Cuidados e regras para instalar cerca elétricas nos condomínios

Cuidados e regras para instalar cerca elétricas nos condomínios

Em tempos de criminalidade crescente nas grandes cidades e no interior, é compreensível que uma das preocupações mais comuns dos síndicos e moradores do condomínio diz respeito à segurança. A prevenção continua sendo a melhor opção para proteger famílias e condôminos, optar pela instalação da cerca elétrica, pode ser uma excelente iniciativa, o equipamento pode inibir possíveis invasores, contribuindo para evitar furtos e outros danos ao condomínio. Porém, convém ressaltar que antes de tomar qualquer atitude a decisão precisa ser estudada e analisada com cuidado.

Cerca elétrica em condomínios

Como funciona o sistema de cerca elétrica?

A função da cerca elétrica é inibir a ação de malfeitores, evitar invasões e danos aos patrimônios, quem pensa em invadir o condomínio, irá pensar duas vezes antes de invadir um local que se encontra protegido. A cerca elétrica, garante a segurança por meio da sua central eletrificadora, de forma que quando algo ou alguém entra em contato com a cerca, ela promove o choque elétrico ao invasor, essa central eletrificadora transmite pulsos elétricos, esses pulsos são emitidos em média de 1 em 1 segundo, garantindo a passagem da eletricidade a todo momento.

Os síndicos que optarem pela instalação de cercas elétricas como meio de protegerem seus condomínios, devem ter atenção redobrada na hora de decidirem por sua instalação, pois existem regras e leis que devem ser analisadas e estudadas antes da instalação da cerca elétrica.

Tipos de cerca elétrica recomendadas para condomínios

Existem dois tipos de cerca elétrica que podem ser instaladas em condomínios, a convencional e a concertina.

Cerca elétrica convencional:

É a mais comum e mais fácil de ser encontrada, composta por hastes verticais ligadas a fios de aço inox. Ela costuma conter um alarme que é acionado sempre que alguma interferência é detectada.

Cerca elétrica Convencional

Cerca elétrica concertina:

O grande diferencial dessa cerca se dá pelo arame farpado que possui alta-tensão de ruptura. Seu formato é em espiral e possui lâminas cortantes. Além dessa barreira de proteção, ela também conta com um sistema de alarme igual ao da cerca convencional.

cerca elétrica tipo concertina
modelo cerca elétrica tipo concertina

Vantagens da cerca elétrica nos condomínios

A instalação da cerca elétrica contribui favoravelmente na segurança do condomínio, conhecer suas principais vantagens contribui para auxiliar na decisão pelo uso do equipamento.

1. Baixo custo de instalação, se comparado a outros dispositivos de segurança

2. Baixo consumo de energia (apesar do dispositivo ser elétrico seu consumo é baixo)

3. Maior resistência ao tempo (não se deteriora, nem se desgasta facilmente)

4. Não exige manutenção constante (uma vez instalada, não exige manutenções frequentes)

5. Repele possível invasão de malfeitores

6. Protege o patrimônio

7. Evita danos e furtos ao condomínio

8. É uma opção econômica, que garante maior a segurança aos moradores

9. Opção de dispositivos extras de segurança (acoplamento de alarmes e dispositivos que disparam em casos de interferência, comunicando centrais e telefones. Dessa forma até 6 telefones são acionados em 7 segundos para comunicar o ocorrido)

Kit de cerca elétrica com dispositivos de segurança. Fonte: Upperseg

Síndico pode decidir sobre a instalação da cerca elétrica?

Nesses casos a decisão não pode ser tomada apenas síndico.

A decisão sobre a implantação da cerca elétrica assim como o valor que será gasto para colocação do equipamento, deverá ser levado em assembleia para discussão e aprovação, a decisão também deverá ser registrada em ata.

Vale ressaltar que depois de instalada, o síndico e condôminos devem estar cientes que o condomínio tem responsabilidade civil sobre o equipamento, caso uma criança, funcionário ou qualquer pessoa se machuque na cerca.

Por isso, é recomendado a fixação de várias placas no condomínio alertando sobre a presença da cerca elétrica. Isso ajuda a evitar problemas e diminui os riscos de acidentes.

Cerca elétrica para condomínio: responsabilidades do síndico

É importante que o síndico esteja atento para normas e regras que o equipamento exige, além disso, avaliar o local e planejar a estrutura antes da implantação é uma boa dica.

As cercas elétricas normalmente são instaladas sobre muros ou grades que cercam o condomínio, porém, há particularidades que devem ser levadas em conta no projeto e na instalação, como a proximidade dos fios nas áreas de piscina, quadras de esportes e outros espaços de lazer dos edifícios.

Também existem normas para a altura da cerca. Se, por exemplo, não houver uma barreira de proteção entre a cerca e um pedestre na calçada, a altura deve ser de, no mínimo 2,5 metros. Pesquise as regras na sua cidade, pois cada município pode adotar determinações que julgar mais seguras para sua cidade e seus cidadãos .

Outro ponto importante é que uma vez que a instalação da cerva elétrica seja feita, cabe ao síndico ou gestores do condomínio solicitar manutenção quando for necessário, por ser um equipamento externo pode ocorrer danos com o vento ou chuvas fortes. É de responsabilidade do síndico fiscalizar e solicitar manutenções preventivas, ou de reparo, em caso de danos.

segurança condominio cerca elétrica
Segurança para condomínio. Cuidados cerca elétrica

Quanto custa a instalação da cerca elétrica para os condomínios?

Independentemente do tipo de cerca elétrica escolhida para proteger o condomínio, é fundamental ter em mente que para garantir de fato a segurança do condomínio e evitar dores de cabeça, é muito importante ponderar e pesquisar as empresas que oferecem o serviço, existem muitas empresas que não possuem profissionais capacitados e muitas desconhecem as normas e legislações a serem seguidas.

É imprescindível que o profissional siga à risca o manual de instruções, e utilize equipamentos de qualidade, portanto, desconfie de empresas que oferecem preços muito diferentes do praticado pelo mercado.

O custo do serviço e da cerca elétrica varia conforme a cidade e estado, mas é importante saber que há o custo de instalação e o custo do equipamento. O custo total da cerca é o preço fixo cobrado pela instalação, mais o valor cobrado por metro linear do produto.

Leis e regras para instalação da cerca elétrica nos condomínios

Alguns síndicos sequer conhecem a existência de legislação pertinente no município, por isso buscar essas especificações ajuda a evitar erros de instalação e multas, sim o condomínio pode ser multado em caso de não conformidade, cada Estado e Município podem possuir sua própria legislação, portanto regras diferentes para o uso das cercas eletrificadas, Rio de Janeiro por exemplo, possui regras mais específicas que estados do Sul do país, na dúvida informe-se bem antes de fazer a instalação do equipamento.

Cuidados gerais para instalar cerca elétrica

Segundo a nova lei, o primeiro fio que dá choque precisa ficar a uma altura do chão que não ofereça risco de alguém tocar na cerca por acidente, cada cidade pode colocar um padrão mínimo de altura pra instalação da cerca, no geral é acima de 2,2 metros ou acima de 2,5 metros, o ideal é se informar qual altura mínima é exigida em sua cidade. Em Curitiba por exemplo, exige- se 2,4 metros de altura em relação ao maior nível do solo..

Para colocar a cerca elétrica é necessário fazer um documento para a prefeitura

Para que você instale uma cerca elétrica no seu condomínio é necessário fazer uma Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) na prefeitura.

Cerca_eletrica_precisa_autorização_prefeitura
Instalar cerca elétrica requer autorização da Prefeitura

Muros muito baixos, podem colocar cerca elétrica?

Se o seu muro for muito baixo, é necessário a instalação de uma grade para aumentar a altura do muro atendendo a medida determinada pelas normas, com essa adaptação a cerca elétrica pode ser instalada sem problemas!

Vale destacar outro ponto:

Muros que são divididos com outras residências ou estabelecimentos, precisam da permissão do vizinho, para a instalação da cerca.

Outra regra importante:

As pessoas devem ser comunicadas da existência da cerca elétrica. Placas devem ser colocadas no equipamento em volta de todo perímetro, tanto do lados de fora quanto do lados de dentro.

Recentemente foi sancionada uma Lei Federal 13.477 o qual especifica melhor os cuidados que devem ser obtidos e as normas que devem ser seguidas para que a cerca fique dentro das conformidades. Confira os principais pontos:

A LEI Nº 13.477

Art. 1o Esta Lei estabelece os cuidados e procedimentos que devem ser observados na instalação de cerca eletrificada ou energizada em zonas urbana e rural.

Art. 2o As instalações de que trata o art. 1o deverão observar as seguintes exigências: I – o primeiro fio eletrificado deverá estar a uma altura compatível com a finalidade da cerca eletrificada; II – em áreas urbanas, deverá ser observada uma altura mínima, a partir do solo, que minimize o risco de choque acidental em moradores e em usuários das vias públicas; III – o equipamento instalado para energizar a cerca deverá prover choque pulsativo em corrente contínua, com amperagem que não seja mortal, em conformidade com as normas (ABNT); IV – deverão ser fixadas, em lugar visível, em ambos os lados da cerca eletrificada, placas de aviso que alertem sobre o perigo iminente de choque e que contenham símbolos que possibilitem a sua compreensão por pessoas analfabetas;

Art. 3o Sem prejuízo de sanções penais e civis pelo descumprimento dos procedimentos definidos nesta Lei, é estabelecida a penalidade de multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) para o proprietário do imóvel infrator, ou síndico, no caso de área comum de condomínio edilício, e de R$ 10.000,00 (dez mil reais) para o responsável técnico pela instalação.

Quer ter uma gestão de condomínios sem complicação, com total suporte e apoio nas tarefas do condomínio? Conheça nossos serviços administrativos de condomínio . Profissionalize sua gestão de condomínios, entre em contato com a Noruega Condomínios. Quer ver mais conteúdo de qualidade sobre administração de condomínios? Acompanhe nossas redes sociais através do Facebook e Instagram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.